Com aval da Federação Mineira, futsal mineiro respira por aparelhos

25

As dificuldades de quem depende do futsal são recorrentes. No entanto, capítulos vivenciados nos últimos anos pelos envolvidos com a modalidade em Minas Gerais mostra que o caminho percorrido está sendo feito na contramão. O pequeno número de equipes participantes dos principais torneios, adulto e de base, incomodam técnicos e jogadores, que vem seu potencial de crescimento limitado. São poucos times, torneios e jogos, que fazem com que um pedido urgente de mudança apareça. Neste sentido, a Federação Mineira de Futsal (FMFS) tem um papel a cumprir.

“O caminho é fomentar e aumentar número de equipes organizadas para a médio prazo elevarmos nível. As categorias sub-17 e sub-20 são as mais importantes pois são as decisivas para adulto”, comenta Peri, técnico do sub-20 do Minas Tênis Clube e assistente-técnico do time adulto que disputa a Liga Futsal. “Não tem explicação um campeonato com quatro equipes. É o mínimo de participantes para o campeonato acontecer. È óbvio que algo precisa ser feito imediatamente”, afirma.  Em muitos momentos, os torneios nem chegam a acontecer. Procurada pela reportagem a FMFS, na pessoa do presidente José Raimundo de Carvalho, não quis se manifestar.

“É uma pena ver a atual situação dos campeonatos metropolitanos das categorias mais velhas. Espero que a federação se mova para que haja uma mudança. É preciso buscar um incentivo para que as equipes voltem a disputar os campeonatos”, comenta Rafael Cozzi, educador físico e técnico do sub-17 do Olympico.

Inconformado com a situação, ele publicou um post em seu perfil do Facebook, que gerou compartilhamentos e comentários sobre o assunto. “A FMFS conseguiu acabar com a categoria. Fico triste pelos atletas do Minas, que deveriam estar orgulhosos pelo título, mas sei que não estão. Eles treinam cinco vezes por semana para jogar um campeonato contra uma equipe. Desperdício de tempo e dinheiro. Mas tomara que não parem, pois o futsal precisa se manter vivo. Parabéns ao Minas por tentar, mas a FMFS está fazendo de tudo para isso não acontecer. Em 2016 e 2018 não tivemos o campeonato adulto e sub20 porque apenas o Minas se inscreveu! A gestão da FMFS não faz nada para isso mudar”, protestou.

Confira panorama dos últimos campeonatos organizados pela FMFS

2018 - Adulto não teve, 2 times no sub-17, 6 times no sub-20 (sendo sub-17 do Minas e Olympico)

2017 - Adulto com 7 times (Minas entrou com dois times, um deles sub-20), 4 no sub-20 (sendo sub-20 e sub-17 de Minas e Olympico)

2016 - Adulto não teve, 4 equipes no sub-20 (uma delas o sub-17 do Minas, que também entrou com equipe sub-20)

Seja o primeiro a comentar na pagina"Com aval da Federação Mineira, futsal mineiro respira por aparelhos"

Deixe sua mensagem

Seu endereço de email não será publicado .

*